Risoto Thai

Como não estou comendo leite e nem derivados –leia-se queijo – tenho buscado alternativas para pratos que gosto e que vão leite. O mais difícil é o risoto. Essa foi uma receita que achei no site da GNT que é maravilhosa. No meu caso só troquei a manteiga por azeite e inovei um pouco: coloquei leite de coco também. Por ser um risoto mais picante, fica uma delícia em dias mais frios como os que estão fazendo.

Risoto Thai (picante!)

Ingredientes:

  • 100g de arroz arbóreo
  • 50ml de saquê
  • ½ vidrinho de leite de coco
  • 200g de camarão VM limpo
  • 150ml de caldo de frango
  • 70g de manteiga
  • ¼ de cebola
  • 1 dente de alho picado
  • 50g de cubos de abacaxi
  • 1/2 pimenta dedo-de-moça cortada em fatias finas sem semente
  • Pimenta calabresa
  • 2 colher de chá rasa de curry
  • Sal (a gosto)

Modo de preparo:
Preparo do arroz:
Em uma panela refogue o alho e a cebola na manteiga. Acrescente o arroz e logo em seguida o saquê, deixe até secar. Adicione aos poucos o caldo de frango e mexa sempre (sempre que começar a secar, adicione um pouco mais do caldo). Depois de colocar todo o caldo e quando o arroz estiver quase seco, adicione o leite de coco e deixe cozinhar até que o arroz fiquei menos líquido e ganhe mais cremosidade.

Preparo do camarão:
Em outra frigideira salteie os camarões na manteiga e adicionar o curry. Em seguida, misture os camarões com o arroz e acrescente os cubos de abacaxi e as pimentas.

Anúncios

Risoto de funghi e shitake

Como já disse antes aqui no blog, não tem como não agradar quando o risoto faz parte do menu. Alguns deles não precisam nem de outro acompanhamento, já que por si só são uma refeição inteira. Esse risoto de funghi e shitake secchi fiz em uma noite que umas amigas vieram jantar em casa e eu não queria ficar horas na frente do fogão.

Ele é mais gostoso que bonito...

Ingredientes

  • 1 cebola pequena picada
  • 1 fio de azeite
  • 2 xícaras de arroz arbório
  • 1 xícara de funghi secchi
  • 1 xícara de shitake secchi
  • 1 colher de sopa de manteiga
  • ½ xícara de queijo ralado
  • 1 colher de chá de cebolinha picada
  • 6 xícaras de chá de caldo de carne (ou dois cubinhos dissolvidos)
  • 1 xícara de vinho branco seco

Modo de fazer

Deixe o funghi e o shitake de molho na água por cerca de 20 minutos. Doure a cebola no azeite, adicione o arroz e frite um pouquinho. Adicione o vinho e deixe até que o arroz absorva o liquido. Misture os cogumelos e deixe-os dourar. Aos poucos vá adicionando o caldo e mexendo, quando ele estiver secando, coloque mais. Repita até que o arroz fique al’ dente. Desligue o fogo, misture o queijo, a cebolinha e o queijo. Sirva quente porque risoto frio fica horrível.

Risoto de gorgonzola que engana

Não sei porque e em qual momento o risoto ganhou tanto status. Tudo bem que é uma delícia e dependendo do que for, vai muito bem com carnes, peixes ou aves. Mas o que muita gente não sabe é que fazer um risoto só aparenta ser difícil. No fundo, ele é um arroz que você deve dar um pouco mais de atenção. Adoro fazer quando recebo visitas e não quero ficar tanto tempo cozinhando. Essa receita minha mãe me ensinou e é engraçado que quando digo o menu, todo mundo diz “nossa, que chique!”. Mal sabem eles…

Fica uma delícia no inverno

 Ingredientes

  • 150 g de arroz arbóreo
  • 100 g de queijo gorgonzola
  • 1 cebola pequena picada
  • 100g de parmesão ralado
  • 1 dente de alho amassado
  • 1 cálice de vinho branco seco
  • 2 l de caldo de legumes fervente
  • 1 colher de sopa de manteiga
  • 1 pêra picada
  • Azeite
  • Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo

Refogue a cebola e o alho em azeite. Coloque o arroz e frite um pouco. Jogue o vinho branco e quando sentir seu aroma acrescente duas conchas de caldo de legumes, mexendo sempre. Acrescente o caldo sempre que o arroz começar a secar. Por fim,  coloque primeiro o gorgonzola e a pêra, depois que derreter, adicione o parmesão e a manteiga e sirva.

Dica – Antes, para fazer um risoto, você tinha que investir um pouco de dinheiro, já que o arroz era caro. Hoje, é possível encontrar várias marcas e com ótimos preços. Costumo comprar o do Tio João que é bom no preço e na qualidade.