Batatas ao murro

Elas ficam lindas, deliciosas e ainda são muito fáceis de fazer. Preparar as figurinhas carimbadas dos restaurantes portugueses em casa parece até piada. O truque da batata ao murro está no azeite. Como a receita leva poucos ingredientes é bom que estes sejam de boa qualidade. Utimamente tenho usado o Colavita, mas o Galo já está bem bom.

Ingredientes:

  • 6 batatas médias/pequenas
  • 2 ramos de alecrim fresco
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • Sal a gosto

Modo de preparo

Cozinhe as batatas com casca em água salgada por cerca de 30 minutos ou até que elas estejam BEM macias. Tire-as da água e, com delicadeza, dê um pequeno murro nelas, de modo que elas rachem ao meio. Acomode-as em uma assadeira, regue com o azeite e adicione sal. Destaque o alecrim e jogue por cima. Deixe no forno (180 graus) até que ela comece a dourar ou ganhe uma crostinha crocante.

Cumbuca de volta! Robalo com farofa de pão e ervas

Depois de um bom tempo longe, aqui estou eu de volta e com força total. Passei por um momento complicado, fiquei longe não só do computador como da cozinha também. Estou voltando aos poucos, mas agora com uma ressalva: nada de leite e nem derivados (parte da dieta que exige o medicamento que estou tomando). Confesso que muitas vezes me irrito com a restrição, mas já estou encontrando ingredientes que os substituam.

Para inaugurar a volta ao blog, nada melhor do que uma receita de classe, fácil de fazer e, dependendo, bem barata. Eu fiz com uma posta de robalo que é um peixe mais caro, mas também pode ser com outras variações.

Ficou bonito, não?

Ingredientes:

  •        Posta de 300g de robalo
  •        5 azeitonas pretas picadas em pedaços médios (de preferência use de boa qualidade)
  • 2 tomates picados em cubinhos
  •        2 dentes de alhos picadinhos
  •        1 cebola média picada
  •        5 fatias de pão integral picado
  •        salsinha, cebolinha, orégano e manjericão (todos frescos)
  •        6 colheres de sopa de azeite
  •        ½ limão siciliano
  •        sal e pimenta a gosto

Modo de preparo

Unte com azeite uma assadeira e deposite a posta do robalo. Tempere-o com sal, pimenta, esprema o limão e besunte com azeite. Reserve. Em uma frigideira grande, refogue a cebola com 3 colheres de sopa de azeite. Quando ela esbranquiçar, adicione o alho. Depois de refogados, acrescente o tomate e, em seguida, o pão. Deixe até que ele fique molhadinho e forme uma farofa soltinha, só cuidado para não amassar os pedaços– se precisar, adicione mais azeite. Tempere com sal e pimenta e, por último,  coloque as azeitonas e as ervas.

Pré-aqueça o forno (180 graus) e coloque o peixe. Depois que ele estiver começando a esbranquiçar, coloque a farofa por cima e deixe por cerca de 15 minutos.

Ervilha torta da Nana

Sempre achei esses legumes bonitos e curiosos, mas, além de feito no forno, não sabia outra forma de cozinha-los. Em um dos jantares que costumamos fazer entre as amigas, a Nana me ensinou outra maneira. Fácil (muito fácil) e gostoso (muito gostoso).

Perfeita se servida com peixe ou carne

 

Ingredientes

  • 1 bandeja de ervilha torta
  • 1 pacote de Sazon amarelo (só pode ser o amarelo)
  • 1 colher de sopa de azeite

 

Modo de Preparo

Em uma frigideira, frite as ervilhas no azeite. Quando elas estiverem amaciando, adicione o pacotinho de Sazon e deixe cozinhando até que o pó desapareça e seja totalmente absorvido pelas ervilhas.

Farofa de casa

Até hoje, algumas vezes tenho umas dúvidas básicas e ligo para a minha mãe pra saber o que faço.  Acho que a cozinha de todo mundo segue inspirações que aprendemos em casa. Por mais que as receitas e gostos mudem, muito temperos herdamos. Essa farofa é um exemplo. Desde que me conheço por gente, lembro da minha mãe fazendo ela com arroz e feijão fresquinho.

Não preciso nem dizer que a receita foi incorporada aqui em casa e hoje faço não só para acompanhar o arroz e feijão, como também peixes e carne.

  Ingredientes

  • 1 xícara de farinha de mandioca
  • 3 colheres de sopa de azeite
  • 2 colheres rasas de manteiga
  • 1 cebola pequena picada
  • 1 pitada de sal

Modo de fazer

Refogue a cebola no azeite e manteiga. Quando ela estiver bem corada, misture a farinha e cozinhe por cerca de 10 minutos, ou até que a farinha fique moreninha.

Pupunha chique

Depois que comecei a cozinhar, descobri que existe um mito na cozinha: alguns pratos considerados “chiques” são difíceis e caros. Mentira! Esse palmito pupunha é um exemplo que vai contra esse mito. Comprei a bandeja com oito por menos de R$ 7. E o melhor, você não vai demorar mais que cinco minutos para fazer (fora o tempo no forno, né?)

Parece que demorou 5 minutos pra ficar pronto?

Ingredientes

  • Palmito pupunha
  • Azeite (o quanto necessário)
  • Salsinha picada (de preferencia frescas)

Modo de fazer

Em papel alumínio, embrulhe um por um os palmitos e leve ao forno por cerca de 40 minutos. Tire do forno e tire o papel. Disponha os palmitos em uma travessa, regue com azeite, jogue a salsinha e leve ao forno novamente. Deixe por mais 10 minutos e sirva.