Cuscuz Marroquino com legumes

Existem algumas receitas e ingredientes que são curingas na cozinha. Entre elas está o arroz e o cuscuz marroquino. Preparados de uma maneira básica, eles podem acompanhar uma carne ou uma ave, ou, se incrementados, pode se transformar no prato principal. Em casa toda refeição tem arroz, independente de como é feito, por isso um dia resolvi inovar e tentar o cuzcus marroquino.

É uma opção leve e gostosa!

Ingredientes

  • ½ abobrinha
  • ½ berinjela
  • ½ cebola picada
  • 1 colher de sopa de azeite
  • Amêndoas torradas
  • 1 xícara de chá de cuscuz marroquino
  • 700ml de caldo de legumes

 

Modo de preparo

Doure no azeite a cebola, quando ela estiver cheirosa, refogue a abobrinha e a berinjela. Espere até que elas amoleçam e adicione o cuscuz. Misture por cerca de 3 minutos, adicione o caldo e mexa. Tampe e deixe até que a água seja absorvida. Adicione as amêndoas e sirva.

Anúncios

AK/Vila na SPRW

Se tem um evento gastronômico que eu sempre aproveito, este é a SPRW (São Paulo Restaurant Week). Acho muito legal, já que são lugares que oferecem o melhor do seu menu a um preço bem acessível. Confesso que das primeiras vezes que fui me decepcionei com o tamanho e qualidade do prato, mas com o passar do tempo a semana da gastronomia começou a ganhar cada vez mais relevância e os restaurantes que tentam ser “espertinhos” no final são severamente criticados pela mídia.

Essa edição da SPRW decidimos ir em uma restaurante que tenho vontade faz bastante tempo: o AK/Vila, da chef Andrea Kaufmann. Por um bom tempo ela comandou o AK Delicatessen que ficava em Higienópolis e tinha fortes tendências da culinária judaica. Repaginado e em outro endereço, o AK/Vila fica na Vila Madalena e é um restaurante que agrada em todos os sentidos. O ambiente já ganha muitos pontos já que é moderno e descolado, mas sem deixar o sofisticado de lado. Mas como o mais importante é a comida, essa merece um capítulo a parte.

O ambiente já é maravilhoso (amei as luminárias)  Como as opções do menu do SPRW eram tentadoras, decidimos que iriamos pedir tudo! \o/

A entrada experimentamos um delicioso croquete de pato com uma geleia de pimenta e uma berinjela chamuscadas com tahine e tomates temperados (se não fosse o agridoce do molho, essa entrada lembraria bastante um babaganuch). O prato principal foi um spaguettini com pesto

A beringela que pedimos de entrada

de manjericão e cabeça de lulas provençais e um ragú de linguiça picante, com polenta rústica e salada de ervas frescas. Aparentemente os pratos são tradicion

ais, mas o tempero que a chef usa faz toda a diferença. Desde a entrada até os pratos, senti sabores únicos, que não conseguia distinguir o que era.

Para terminar, duas opções de sobremesa. Eu escolhi a taça merengue de morangos e calda de Mirtillo e o André a torta mousse de chocolate, Praliné de nozes e caramelo salgado (mas ele pediu sem as nozes). A sobremesa foi a única parte do menu que escolhemos uma preferida. Tanto eu quanto o André gostamos mais do merengue. Não que a torta não estivesse boa, mas ela era um pouco mais pesada.

Gostamos tanto da comida que já estamos pensando um dia sem menu SPRW para voltar e experimentar os pratos tradicionais da casa.

Ah, é sempre bom lembrar o valor do menu da SPRF. O AK só serve o menu especial durante o almoço, mas outros restaurantes servem à noite também.

Serviço:

AK/Vila

Endereço: Rua Fradique Coutinho, 1240

Telefone: 3231-4497

SPRW

R$ 31,90, no almoço, e R$ 43,90, no jantar (bebidas, serviço e couvert não inclusos).

Site oficial para conhecer os outro locais participantes: http://www.restaurantweek.com.br/