Ragù de carne para todas as horas

Essa receita é a minha mais nova paixão. Aprendi em um curso que fiz faz pouco tempo e me apaixonei. O motivo? Ela vira diversos pratos e pode ser congelada sem problemas. A professora deu a dica de fazer uma porção grande e congelar separadamente, assim, naqueles dias corridos, é só descongelar parte da receita. Outra dica: pode ser feita com carne de cordeiro, colchão mole ou alcatra. Eu fiz com a última das opções, mas da próxima vez pretendo fazer com cordeiro. Para terminar, a última dica. Este ragù pode ser servido por cima de um risoto básico, com purê de batatas ou até como molho de uma massa. Só não esqueça de reservar um tempinho para fazê-lo, já que o segredo é o longo tempo que ele fica cozinhando.

Este foi feito para um risoto

Ingredientes

  • 500g de alcatra cortada em cubos grandes (maior do que o corte do strogonoff)
  • 1 cebola médica picada
  • 4 talos de salsão cortado em pedaços de 3 cm
  • 3 cenouras pequenas cortadas em rodelas
  • 2 colheres de sopa de salsinha picada
  • 1 xícara de chá de vinho tinto (na aula ela ensinou com branco, mas preferi com tinto, vai do paladar de quem está cozinhando)
  • 4 tomates italianos pelados
  • 2 colheres de sopa de bacon em cubos
  • 3 colheres de sopa de azeite
  • Sal e pimenta do reino moída na hora à gosto

Modo de preparo

Tempere e carne com sal e, em uma panela com fundo grosso, sele-a. Reserve em outro recipiente. Na mesma panela, adicione o bacon, a cebola, o salsão, a cenoura e a salsa. Deixe-os suar. Adicione a carne e o vinho. Deixe cozinhar até que o vinho evapore quase que por inteiro. Acrescente o tomate picado grosseiramente (não deixe de colocar o suco que vem na latinha). Deixe cozinhar lentamente e, sempre que precisar, adicione água, mantendo-a abundante. Após aproximadamente uma hora, retire a carne e corte-a em pedaços bem finos. Devolva ao molho e deixe por mais cerca de 15 minutos.

Anúncios

Sopa de cenoura com tempero diferente

Para decorar dois talos de cebolinha

Tem coisa melhor do que tomar uma sopinha naqueles dias de frio que não dá vontade de nem sair da cama? Essa é da Rita Lobo do livro Panelinha. Parece simples e antes de fazer cheguei a pensar que poderia ficar um pouco estranha. Mas o resultado ficou incrível! Com um sabor delicioso. O melhor da história é que para fazer ela é muito barata e rápida.

 Ingredientes

  • 1 kg de cenoura picada em cubos
  • 1 dente de alho picado 1 cebola picada
  • 3 talos de salsão picado
  • 1 colher (sopa) de gengibre ralado
  • 2 colheres (sopa) de manteiga
  • 1 l de caldo de legumes (se for usar cubos, dissolva apenas 2)
  • 3 colheres (chá) de mel
  • 1 folha de louro
  • sal e pimenta-do-reino a gosto

Modo de Preparo

Numa leiteira, leve 1 litro de caldo de legumes ao fogo médio para aquecer. Coloque a manteiga numa panela grande e leve ao fogo médio para derreter. Em seguida, junte os cubos de cenoura, a cebola, o alho, o salsão e o gengibre. Misture bem.
Tempere com sal e pimenta-do-reino, misture e tampe a panela. Deixe cozinhar por 20 minutos, mexendo de vez em quando com uma colher de pau. A seguir, retire a panela do fogo, adicione o caldo quente com cuidado e misture bem. Acrescente o mel, a folha de louro e leve a panela de volta ao fogo baixo. Deixe cozinhar por mais 10 minutos, até que a sopa esteja pronta. Retire a folha de louro com a ajuda de uma colher. Com cuidado, transfira a sopa para um liquidificador e bata até obter uma mistura homogênea. Depois, passe a mistura por uma peneira fina, colocando a sopa de volta na panela. Sirva quente.

Dica

Ela fica mais gostosa ainda se for acompanhada com um pão de 7 cereais quentinho!